Processo Seletivo – Supervisor Acadêmico Institucional

 em Notícia

PROCESSO SELETIVO DE SUPERVISOR ACADÊMICO INSTITUCIONAL DA ESCOLA SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE VITÓRIA- EMESCAM

 

1         DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1.1      Os coordenadores selecionados atuarão em atividades típicas do cargo presentes neste documento.

1.2      A carga horária do supervisor selecionado, será de 40 horas semanais cada e deverá ser cumprida conforme cronograma definido pela Instituição.

1.4      O(a) candidato(a) que, por qualquer motivo, deixar de atender às normas e às recomendações estabelecidas será automaticamente eliminado(a) da seleção.

 

2         DOS REQUISITOS BÁSICOS

2.1      Ter experiência profissional mínima de 3 (três) anos em Docência do Ensino Superior.

2.1.1   Estágios em docência realizados durante o curso de pós-graduação não serão considerados como experiência em Docência do Ensino Superior.

2.1.2   Monitoria não será considerada como experiência em Docência do Ensino Superior.

2.2      Experiência na área de gestão e coordenação.

2.3      Ter disponibilidade para realizar viagens de campo quando solicitado.

2.4      Ter conhecimento e habilidade na utilização da internet e ferramentas tecnológicas da informação e da comunicação.

2.5      Ter domínio da Legislação Educacional do Ensino Superior.

 

3         DO CARGO

3.1      Cargo: Supervisor Acadêmico Institucional

3.1.1   Regime de trabalho: 40 horas semanais

 

4         DAS ATRIBUIÇÕES

4.1      Do cargo de Supervisor Acadêmico Institucional

  1. Supervisão das atividades de ensino, pesquisa e extensão institucionais visando à eficiência do ensino, pesquisa, extensão, adotando as providências que julgar necessárias;

 

  1. Cumprir e fazer cumprir as disposições do Estatuto da IES, do Regimento Geral, PDI, PPCs e as deliberações do Conselho Diretor e Provedoria, assim como dos órgãos da administração superior da IES;

 

  1. Elaboração de planos de trabalho e a programação acadêmica da instituição, adotando as medidas para a consolidação em tempo hábil do plano de atividades a serem desenvolvidas em cada período letivo;

 

  1. Realizar reuniões periódicas com os coordenadores dos cursos de graduação, tendo em vista a gestão de todas as atividades acadêmicas e operacionais;

 

 

  1. Receber e avaliar os relatórios de desenvolvimento dos cursos de graduação, elaborados pelos coordenadores de curso;

 

  1. Dar suporte aos Colegiados de Curso;

 

  1. Supervisionar e acompanhar a elaboração, alteração, reformulação, implementação e avaliação dos Projetos Pedagógicos dos Cursos e os documentos legais educacionais da instituição em geral;

 

  1. Reconhecimento do Curso pelo MEC;

 

  1. Conhecer a legislação do MEC sobre autorização/reconhecimento e renovação de reconhecimento de curso. Conhecer os padrões, indicadores e critérios do MEC para as avaliações “in loco“: Manual Geral de Avaliação dos Cursos de Graduação, Padrões de Qualidade do Curso – (SESU/INEP) e outros;

 

  1. Coordenar no âmbito do curso a coleta e sistematização dos dados para preenchimento dos formulários eletrônicos do INEP/MEC para fins de reconhecimento/renovação de reconhecimento do curso;

 

  1. Fornecer subsídios à diretoria e procuradoria institucional para o reconhecimento, recredenciamento, recredenciamento de cursos;

 

  1. Adotar providências, no âmbito de sua competência, para a execução da Avaliação Institucional, conforme a legislação pertinente, encaminhando os resultados para análise do Conselho Diretor da IES;

 

  1. Integrar os Núcleos Acadêmicos;

 

  1. Fiscalizar a observância do regime acadêmico, o cumprimento dos programas e a execução dos planos de atividades;

 

  1. Zelar pela ordem no âmbito da Supervisão Acadêmica, adotando as medidas necessárias, e representando ao Diretor da Unidade quando se impuserem providências de sua competência;
  2. Propor ao Diretor a adoção, em casos de urgência, de medidas que se imponham em matéria de competência da Supervisão Acadêmica;

 

  1. Aprovação os planos de curso de cada, encaminhando-os à homologação dos órgãos superiores;
  2. Criação e Acompanhamento da execução do calendário acadêmico;

 

  1. Trabalhar em parceria e unidade com os todos os setores institucionais;

 

  1. Supervisionar as metodologias de ensino e de avaliação do processo de ensino aprendizagem, conforme plano aprovado previamente;

 

  1. Acompanhar juntamente com os coordenadores de curso as listas de aquisições bibliográficas;

 

  1. Estimular trabalhos complementares do curso, como:
    – Palestras/seminários/congressos/cursos dentro e fora da instituição/ciclos de debates, etc..
    – Pesquisas e/ou iniciação científica/extensão universitária, tanto para os alunos como para os professores.
  2. Oferta de disciplinas não previstas no curso como estímulo à ampliação dos conhecimentos em áreas correlatas ou de interesse para a profissão;
  3. Supervisionar o resultado operacional acadêmico dos alunos;

 

  1. Acompanhar os dados da CPA e propor planos de correção de rotas;

 

  1. Compor e supervisionar a equipe de revisão documental (acadêmico) quando houver necessidade;

 

  • Repassar ao Coordenador de Avaliação suas observações sobre todos os aspectos que possam contribuir para a melhoria do processo de avaliação e do próprio curso;

 

  • Cumprir e executar as Normas de Qualidade da Instituição;

 

 

  1. Qualificação do corpo docente;

 

  1. Preenchimento mensal e acompanhamento dos resultados registrados no BSC;

 

 

  1. Explorar situações que favoreçam o curso, destacando-o na sociedade e na própria IES, como:

– contatos com ex-alunos
– uso virtuoso do trote de calouros
– semanas acadêmicas
– resultados ENADE e demais exames/avaliações nacionais.

– Apoio à participação dos alunos em eventos
– Apoio pedagógico aos coordenadores/ discente (biblioteca, internet, reprografia, acesso à secretaria)
– Acompanhamento de egressos
– Existência de meios de divulgação de trabalhos e produção realizados pelos alunos
– Estímulos acadêmicos (monitoria, iniciação cientifica, extensão)
– Estímulos Financeiros (bolsas, restaurante, alojamento, etc).
– Oferecer alternativas no campus para os alunos e professores, como meio atrativo para sua permanência na instituição.
– Apoiar a participação de alunos em eventos externos.

 

  1. Analisar as provas aplicadas pelo MEC;

 

  1. Identificar os insucessos de seus alunos e em conjunto com o Coordenador de Curso, propor mudanças curriculares e de métodos de avaliação do processo ensino-aprendizagem se for o caso;

 

 

  • Trabalhar com todos os coordenadores e professores o compromisso de conhecer os exames do ENADE;

 

  1. Planejar, juntamente com os coordenadores de curso trabalhos e avaliações que incluam os conteúdos exigidos pelo ENADE;

 

 

  1. Reunir-se com os alunos concluintes e respectivos professores para discussão desses exames, sua importância, estratégia etc.
  2. DAS INSCRIÇÕES

5.1 Período de inscrição: 18/12/20 a 03/01/21

5.2. Os documentos exigidos para a inscrição deverão ser anexados no momento da inscrição.

5.3      O candidato que não anexar a documentação no prazo da inscrição, será desclassificado. A IES não se responsabiliza pela falta de documentos ou dificuldade de envio dos mesmos.

5.4    Não serão analisados documentos enviados após o período estabelecido para inscrição.

5.5   O candidato PCD deverá informar sua condição no ato da inscrição.

 

6         DA DOCUMENTAÇÃO

6.1      Ficha de inscrição, de preenchimento obrigatório, que deve ser enviada por e-mail juntamente com todos os demais documentos (credenciamento@emescam.br). Clique aqui e baixe a ficha de inscrição.

6.2      A documentação deverá ser anexada no momento da inscrição. São necessários os seguintes documentos:

6.2.1   Cópia simples de Comprovante de residência atualizado no nome do candidato ou autodeclaração de residência, conforme previsto na Lei n. 7.115/1983;

6.2.2   Cópia simples da Carteira de Identidade (RG);

6.2.3   Cópia simples do Cadastro de Pessoa Física (CPF);

6.2.4   Cópia simples do documento comprobatório de experiência mínima de 03 (três) anos em Docência do Ensino Superior;

6.2.5   Cópia simples dos documentos comprobatórios;

6.2.6   Para estrangeiros, cópia simples do visto temporário ou permanente;

6.2.7   Para Currículo Lattes atualizado, acompanhado de cópia das comprovações das informações.

6.2.8   Para Cópia do diploma (autenticado) de graduação e de pós-graduação lato ou stricto sensu (todos emitidos por estabelecimentos reconhecidos pelo MEC ou respectivo Conselho de Educação para as Instituições Estaduais) ambos com histórico escolar;

6.2.9   Cópia de documento que comprove a experiência em Docência do Ensino Superior (carteira profissional, contracheques, contratos de trabalho ou certidão de tempo de serviço). E, em se tratando de atuação nos cursos em EaD (desde que no ensino superior), a comprovação dar-se-á pela apresentação de declaração em que constem as horas de atividades docentes, as quais deverão apresentar em sua somatória o mínimo de 60 horas de atividades semestrais;

6.2.10   As inscrições se encerrarão as 17 horas do dia 03 de janeiro de 2021.

 

7         DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

7.1      A inexatidão das declarações e irregularidades de documentos, constatadas no decorrer do processo ou posteriormente, eliminará o candidato, anulando-se todos os atos decorrentes da sua inscrição.

7.2      É de inteira responsabilidade do candidato o fornecimento de informações e a atualização de seus endereços residencial e eletrônico, durante o processo de seleção, não se responsabilizando a EMESCAM por eventuais prejuízos que o candidato possa sofrer em decorrência de informações incorretas ou insuficientes.

Postagens Recentes
Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar